Rumo a um local de trabalho racialmente justo

Rumo a um local de trabalho racialmente justo

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Sensibilidade racial, inclusão e diversidade não são apenas palavras da moda que as empresas falam para parecerem mais convidativas. As organizações devem tentar promover a diversidade, inclusão e sensibilidade racial no local de trabalho.

À luz dos recentes acontecimentos, podemos ver o que acontece quando a sensibilidade racial é deixada de lado. As consequências podem ser desastrosas para qualquer empresa, especialmente para organizações menores que não possuem os recursos de uma empresa de um bilhão de dólares.

As empresas de tecnologia estão até contratando funções relacionadas à promoção da diversidade como uma solução para questões de sensibilidade e inclusão. Seja tecnologia, comércio eletrônico ou seguro; todas as indústrias são responsáveis ??por responder a reclamações e acusações de racismo e discriminação. Isso pode afetar negativamente seus resultados financeiros, drenar recursos e custar uma quantia considerável para remediar.

Antes de entrar em pânico, continue lendo para aprender como implementar um treinamento de sensibilidade racial e promover uma cultura de trabalho inclusiva:

Inclua políticas específicas no manual de cultura da sua empresa

O manual de cultura da sua empresa é a força vital da sua organização, ele destaca os valores e a missão da empresa, mas também contém a documentação escrita para cada política que um local de trabalho deve ter ou pelo menos deveria.

É aqui que você pode dedicar uma seção inteira para falar sobre a importância da diversidade e a tolerância zero da sua organização para qualquer forma de discriminação. Também é ilegal discriminar alguém com base em raça, cor, religião, nacionalidade ou sexo, de acordo com as diretrizes da Organização dos Direitos Humanos.

Essa política fazer parte do seu manual será útil para fazer referência se ocorrer um incidente em que um funcionário afirme que “ele não sabia” e ajudará a defender sua empresa contra uma possível reclamação.

Aqui na Areco, uma das maneiras que combatemos o racismo é deixar claro no nosso documento de cultura pontos cruciais para a inclusão e o bom convívio com o próximo, seja ele(a) quem for. Trazemos a público alguns pontos que exemplificam como atuamos internamente:

  1. Tomar decisões inteligentes respeitando a diversidade;
  2. Questionar ações inconsistentes com nossos valores, ações que estão em contrapartida ao valor principal;
  3. Estar sempre em busca do que é certo, da verdade;
  4. Prosperar com a diversidade e com a mudança;
  5. Colaborar efetivamente com as pessoas de diversas origens, culturas e orientação sexual;
  6. Despertar a sua curiosidade sobre como nossos diferentes contextos nos afetam no trabalho, em vez de fingir que eles não nos afetam;
  7. Reconhecer que todos nós temos preconceitos e trabalhar para superá-los;
  8. Intervir se outra pessoa estiver sendo marginalizada e acionar o RH.

Ofereça treinamentos de sensibilidade e diversidade

Ter treinamento de sensibilidade disponível como um recurso para seus funcionários traz muitos benefícios, incluindo visão e consideração de especialistas. Primeiro, mostra que você, como empresa, se preocupa o suficiente com a inclusão e a diversidade, e está disposto a investir nisso.

Isso pode aumentar o comportamento moral dos funcionários e ajudá-los a começar em bons termos com funcionários novos e os que já fazem parte da organização. Em segundo lugar, você, como profissional de RH, não pode fazer muito e, a menos que seja um especialista em diversidade, é melhor trazer alguém que, de fato, seja. Essa pessoa tem a vantagem de entrar em um novo ambiente sem quaisquer preconceitos implícitos e pode falar sobre assuntos que normalmente são incômodos e trazem resistência.

Finalmente, seus funcionários podem aprender habilidades aplicáveis ??fora da simples interação uns com os outros. Especialmente em funções mais voltadas para o cliente, certas táticas podem ser aplicadas a um punhado de situações, como conseguir uma venda ou saber lidar com uma situação delicada.

Contrate um diretor de diversidade ou crie um comitê de diversidade

Contrate alguém ou crie um comitê para promover a diversidade no local de trabalho. Algumas de suas responsabilidades podem ser tão simples como garantir que as festas de todas as culturas sejam reconhecidas ou hospedar eventos internos que promovam a inclusão e a diversidade.

Mas também podem ser mais institucionais, como criar estratégias de contratação ou oferecer recomendações sobre como melhorar o treinamento. Uma função totalmente focada na diversidade tem o benefício de ser ampla o suficiente para que quem esteja nessa posição tenha o potencial de causar um grande impacto e revigorar uma cultura obsoleta.

É preciso mais de uma pessoa para promover a diversidade e a inclusão, mas ter líderes fortes no comando da diversidade, com funcionários seguindo o exemplo, é uma ótima maneira de garantir que uma cultura que celebra a diversidade seja consistente e não apenas um evento isolado.

Escute seus funcionários

Imagine correr pelo escritório pendurando cartazes, apresentando novas políticas e realizando reuniões não solicitadas e a reação de seus funcionários é “nós não pedimos nada disso”.

Não existe uma solução única para todos para lidar com a diversidade no escritório. Conhecer seu público e ser capaz de dinamizar suas estratégias é a chave. Certifique-se de que todas as preocupações sejam levadas ao RH. Deve ficar claro à um funcionário de diversidade ou outro membro da administração que tais preocupações serão levadas a sério e mantidas o mais confidenciais possível.

Existem grupos específicos que se sentem estranhos? Há mais alguma coisa que você possa fazer para que todos se sintam incluídos? Você ficará surpreso com o que pode aprender ao permitir que seus funcionários sejam francos. A comunicação é importante em qualquer relacionamento, mas quando alguém passa mais de 40 horas em um lugar durante a semana; a comunicação positiva é ainda mais importante.

Dentro da Areco Sistemas, buscamos não apenas preservar nossa cultura, mas frequentemente melhorá-la. Cada pessoa que se junta a nós ajuda a moldar e evoluir ainda mais a nossa cultura. Encontramos novas maneiras de realizar mais juntos. A cada ano, podemos sentir uma diferença real em quanto mais efetivamente estamos operando do que no passado.

Nosso time heterogêneo impacta diretamente na nossa inovação, cultura, respeito e integração. Costumamos dizer que nada é tão bom que não possa ser melhorado e estamos buscando e estaremos sempre abertos à mudanças e desconstrução.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *