Como podemos aproveitar os benefícios da IA e pensar estrategicamente

Como podemos aproveitar os benefícios da IA e pensar estrategicamente

A inteligência artificial, apelidada de IA, ganha cada vez mais espaço nas empresas modernas. É fácil entender o motivo: a tecnologia, que é inovadora e promissora, é capaz de acelerar rotinas, de suprimir erros operacionais e de fortalecer a estratégia corporativa de ponta a ponta, empoderando a equipe enquanto fortalece o fluxo de caixa. Nesse artigo ensinaremos como podemos aproveitar os benefícios da IA e pensar estrategicamente.

Se, há alguns anos, a aderência da IA era questionável, hoje o recurso é uma prioridade. Se a inteligência artificial era uma ferramenta onerosa demais às empresas de menor porte, agora ela também está disponível a organizações em estágio de crescimento.

A tecnologia jamais esteve tão acessível e nunca foi tão essencial ao desenvolvimento de operações saudáveis e lucrativas. A gente garante que a inteligência artificial está ao seu alcance — e que fará a diferença na estratégia do seu negócio.

 

Mas antes: o que é IA (inteligência artificial)?

Tudo começou, é claro, na ciência da computação. No campo prático, o motor da inteligência artificial é uma série determinada de algoritmos. Pensada para viabilizar a execução de atividades coerentes ao comportamento humano.

Isso quer dizer que o sistema, desde que previamente configurado, tem a capacidade de reproduzir tarefas operacionais. E mais: ao interagir com o cenário, pautando-se em uma espécie de perguntas e respostas, o computador é capaz de entender o comportamento das variáveis e, assim, aprender a gerar novas soluções frente a situações adversas.

De modo geral, a inteligência artificial se caracteriza por algumas premissas básicas. São elas:

  • habilidade de aprender continuamente, incorporando novos dados a cada interação com o ambiente;
  • aptidão para compreender formatos informacionais diversificados, tais como textos, imagens e sons;
  • capacidade de sintetizar a cruzar dados, obtendo novas hipóteses e gerando insights poderosos.

Tudo isso parece muito distante da sua realidade? É bom repensar. A gente assegura que todo esse poder nunca esteve tão perto do seu dia a dia. E fique atento: é bem provável que alguns de seus concorrentes já estejam aplicando técnicas de AI para agregar a estratégia corporativa, acelerando o crescimento do negócio.

 

IA nas empresas competitivas

A inteligência artificial é especialmente aderente em contextos em que há intensa troca de dados. Sim, esse parâmetro se aplica perfeitamente à empresa que você gerencia e a gente explica o porquê.

Uma operação convencional pressupõe um fluxo constante de dados em trânsito. Ao finalizar a entrada de uma Nota Fiscal ou ao efetivar o registro de um colaborador recém-contratado, por exemplo, uma gama de novas informações é introduzida no sistema de gestão, integrando-se automaticamente a outras áreas da empresa, tais como o Compras e o Financeiro.

A verdade é que a sua operação produz uma infinidade de dados e recebe outra grande quantidade de inputs. Ao cadastrar uma venda, ao inserir um novo projeto de engenharia ou ao gerar um novo relatório de acompanhamento de performance, você e sua equipe estão contribuindo para que a quantidade de informações cresça.

Se olhado isoladamente, o volume de dados pode parecer assustador. Sob a ótica da competitividade a disponibilidade de números e arquivos desponta como valiosas oportunidades estratégicas. Você, é claro, precisa estar preparado para aproveitá-las!

Por fim, vale compartilhar mais um indício claro do fenômeno da big data. Um estudo da IDC indicava que, de 2012 a 2020, a massa de dados armazenados na internet dobraria a cada dois anos.

Os números são um reflexo do mercado e encontram respaldo nas empresas mais lucrativas. De fato, não há como escapar da complexidade dos dados e a melhor saída é optar pelo caminho diretamente oposto. Certifique-se de aproveitar o poder da tecnologia da informação e, com base nela, explore estratégias robustas, eficientes e diferenciadas. Seu negócio agradece!

 

Como a inteligência artificial pode impactar a estratégia do seu negócio?

Por mais que o conhecimento seja importante a qualquer gestor, não basta conhecer os conceitos e entender como a teoria funciona. Se você deseja obter resultados efetivos, é preciso partir à prática — e o quanto antes, melhor.

A tecnologia de gestão é o caminho mais seguro, acessível e confiável para viabilizar a implantação de recursos sistêmicos amparados na inteligência artificial. Ao automatizar processos, é possível otimizar os recursos — humanos, físicos, financeiros e de tempo — e acelerar o fluxo de trabalho.

Atividades excessivamente manuais ou repetitivas, tais como a checagem de níveis de estoque para liberação de novas ordens de compra, por exemplo, podem (e devem!) ser monitoradas por um sistema inteligente, cuja principal função é organizar e acompanhar as informações da área, emitindo alertas de disponibilidade aos analistas responsáveis.

No Financeiro, por sua vez, as rotinas de conciliação bancária, antes bastante delicas em função do alto nível de detalhe exigido na confirmação das transações, podem ser concluídas com mais agilidade, competência e rapidez. Basta, para isso, contar com um software integrado e atualizado.

Na alta gestão, por fim, o acesso fácil a dados transparentes permite que as lideranças se dediquem a análises aprofundadas e construam cenários variados, apropriando-se de decisões assertivas e assegurando a saúde da organização no curto, médio e longo prazo.

Ao simplificar as tarefas, automatizar processos e integrar operações, facilitando o escoamento dos dados a todas as áreas da empresa, a equipe ganha fôlego para focar no que é estratégico para além do que é operacional. O que isso significa? Simples: sua operação torna-se ainda mais competitiva e preparada para enfrentar os desafios de um mercado com concorrência acirrada.


Quer saber mais sobre o que a inteligência artificial pode fazer pelo seu negócio? Agende uma consultoria gratuita com nosso consultor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *